segunda-feira, dezembro 21, 2009

Chegou o natal

Que bom, chegamos mais um natal!

Levando em consideração que poucos ainda se lembram do real significado do natal, podemos dizer que coisa linda as famílias reunidas indo ver as belíssimas apresentações de natal por toda cidade.

Mas junto com toda esta diversão nova que está por todos os lugares, vale lembrar o tanto que a cidade fica um caos. Este fim de semana aproveitei para andar na paulista, ou pelo menos tentar, estava linda toda decorada. No personnalité da paulista com apresentação musical e de cores.

Mas era tanta gente, que era quase impossível de andar. agora fico imaginando shopping como estão, tem um tempo que não passo nem na porta mais. Vou ir de novo lá só depois das festas de fim de ano, não é humano ir num lugar desses sem mencionar a famosa 25 de março.

Prefiro o conforto da minha casa a isso!!! De um goiano em São Paulo.

sábado, dezembro 19, 2009

De volta a ativa

Bom amigos, depois de um longo tempo parado devido as mais diversas desculpas estou de volta.

 

Claro já disse isso varias vezes que estava voltando mas parava de novo. Isso se deve ao fato de muitos trabalhos que venho realizando e a extrema falta de tempo que estive encarando ultimamente.

 

Bom fim de ano para todos. Que tenhamos um feliz natal.. E um prospero ano novo, São meus votos para todos.

quarta-feira, outubro 28, 2009

11 anos em apenas 2 minutos

Esta é a publicidade da Google que fez um vído em comemoração aos 11 anos de empresa, desde a concepção da idéia até os dias atuais.
O bacana é você ver que sempre esteve presente na vida da empresa, mesmo inconcientemente, e que possivelmente não poderá mais viver sem a mesma, a menos que apareça uma empresa melhor (ah, mais isso é história de terror que contarei para meus filhos um dia).
Segue o vídeo.



Isso aí, abraços do Gummy, not the Bear

domingo, agosto 30, 2009

Mudanças vem ai!!!

Bom dia, pessoas!!!!

 

As coisas mudam, e todos precisamos mudar as vezes. O blogs já tem um tempo no ar, mas nunca para falar a verdade dei muita prioridade para ele.

Agora as coisas serão diferentes.

 

Estou em sampa, a 1 ano já, putz o tempo passa rápido, muitas coisas bacanas tem acontecido. Começando a seguir um caminho legal. Me mudei para um apartamento bacana, no trampo está bacana, sempre que posso vou a minha cidade ver as goianas,(rsrsrsrs alias são sensacionais).

 

Mas agora falando do blog.

 

Então vou voltar a colocar ordem nesta bagaça aqui, agora tenho internet em casa, estou com minha vida organizada. Vai ser bem legal. e varias coisas tenho em mente.

 

Primeiro é que nos proximos dias vai ter novo layout, totalmente reformulado com uma nova identidade para o pequicomarroz.

 

Segundo vamos ter uma agenda de post. Logo mais disponibilizo a agenda com os dias e as sessões fixas de post.

 

Mas como não poderia deixar de publicar vamos ao hino nacional.

 

 

Muito bem vamos lá. Breve mais novidades deste novo tempo no pequicomarroz.

terça-feira, julho 28, 2009

Mac Developers

Pessoal desculpa a demora a postar, é que tem sido meio corrido para mim aqui em sampa.
Mas para quem não sabe trabalho com desenvolvimento de sistemas, e tenho muita curiosidade de programar para mac os, devido a falta de um mac para mim e pouco material na rede (mas pela falta de um mac mesmo) deixei essa ideia de lado, hoje pesquisando na net algo legal encontrei um site que a quem interessar desenvolver para mac pode usar.
ainda não tive tempo de analisar o site todo, mas assim que for olhando vou falando para vocês.

quinta-feira, junho 11, 2009

Exterminador do futuro 99

Olha hoje fui assistir este filme…

 

Durante o filme descobri algumas verdades:

 

- O filme nunca vai acabar, vai ter o 5, 6, 7.

- Mesmo se o filme acabar o fim dele é o inicio do MATRIX.

- As maquinas nunca vão deixar de existir;

- John connor nunca morre, ele é pior que Chuck norris.

- As maquinas são mongóis, basta encostar nela que elas se destroem;

 

e por ai vai, se Você tiver mais algumas verdades que você descobriu neste filme, não hesite em contar-nos.

terça-feira, junho 09, 2009

Escolha já seu nerd

Pessoal, desculpa pela demora de post,

mas como todo bom rapaz, tenho que faturar e estava trabalhando muitoooooo (brincadeirinha tava com preguiça mesmo).

but I promisse, que vou voltar a postar com frequencia.

 

Agora vamos ao que interessa, não é de hoje que acompanho o www.charges.com.br. Neste site tem uma banda os seminovos, que se tornou uma das ganhadoras do concurso garegem do faustão… vejam ai a música.

 

 

PS: Garotas eu sou nerd, rsrsrs

segunda-feira, maio 18, 2009

Da-lhe maisa

A maísa continua a melhor de todos, depois do monstro, agora ela bate a cabeça

 

 

 

 

kkkkkkkkkkkkkkkkk

ri muito.

quarta-feira, maio 13, 2009

Provedores decidem proteger usuários na Suécia

Depois da justiça sueca condenar o The Pirate Bay, o provedor de acesso a internet Tele2, também da Suécia, decidiu que não vai mais armazenar os IPs de clientes que baixarem conteúdo pirata ou ilegal na internet para não facilitar as investigações e os possíveis processos de dirteitos autorais.


O provedor coloca-se como um dos primeiros que passa a cumprir as propostas da nova lei de propriedade intelectual (pode obter mais informações aqui) que entrou em vigor no dia 1º de Abril (pode até parecer, mas lá não foi Dia da Mentira) Essa lei já está sendo estudada e seguida por alguns países da UE (União Européia).


A especialista em políticas de internet e fundadora do site IpTegrity diz que a dispozição da operadora de defender e respeitar os direitos dos usuário é louvável.

Depois deste pronunciamento da Tele2, um outro provedor, o Bahnhof, também decidiu não armazenar os IPs de seus clientes. Segundo esses provedores, esta conclusão foi bem estudada em cima de análises da legislação e percebendo que o armazenamento dos endereços IP não é obrigatório.

Enquanto isso, estamos todos torcendo e aguardando os recursos que foram solicitados pelso advogados do The Pirate Bay, contra a decisão da justiça sueca.

segunda-feira, abril 20, 2009

Pirate Bay

Meu não sei quanto tempo vai durar… mas que esse episódio do julgamento do pirate bay está começando a ficar legal.

 

O pessoal não consegue tirar eles do ar, agora estão tentando prender os donos do négocio, mas será que irá resolve, não sei.

 

Hoje o pirate bay conquistou uma legião de fã, adeptos do torrent, e que curtem as piadinhas legais e tudo que é maneirinho que eles inventam (e sempre inventam ao maneiro mesmo). Então pode ser que eles saiam do ar… mas em breve vão voltar de novo.

 

E a vida pirata vai continuar novamente, e será sempre assim. Não adianta tentar acabar com isso.. é a globalização.

 

Foi assim com os hackers e crakers e o carai a quatro, quanto  mais prendem fazem o que querem surgem mais 10 para cada um.

 

No Brasil tem a APCM, que por sinal a sede fica proximo onde eu trabalho aqui em sampa, que está tentando fechar de qualquer forma os sites que distribuem conteudos protegidos por ai. Mas tipo eles tiram daqui eles abrem em outro lugar.

 

Não adianta, criamos um monstro que ninguem consegue parar mais, não tem como impedir isso. Basta uma rapida volta por qualquer centro de qualquer cidade o país que vocês veram filmes, programas de computador e tudo mais sendo comercializado sem discriminação. E querem acabar justamente com o meio mas dificil de se proteger que é a internet. Pareçe piada.

 

Mas vamos ver se eles conseguem algum progresso… sabe-se lá.

 

por enquanto aproveitem o pirate bay.

sábado, abril 18, 2009

Bobeirinha de preconceito

Da rixa entre goianos e candangos (naturais de Brasília) todos sabem. Mas às vezes assusta mais do que o normal, ainda mais quando se encontra um manifesto totalmente preconceituoso contra nós, os goianos. Mas convenhamos que há goianos que fazem por merecer a fama, e acabam prejudicando a imagem dos outros, né. O caso é que nem todo goiano é corno, nem todo goiano tem o pé rachado, e, por incrível que pareça, nem todo goiano gosta de pequi. O problema é que na maioria das vezes as pessoas preocupam-se mais em estabelecer estereótipos, a la Rede Globo de Televisão, né; ou seja, todo goiano é caipira, todo mineiro come-quieto, todo gaúcho é loiro e bonitão, todo paulista é bem-sucedido e extremamnete civilizado e todo carioca é surfista e queimado pelo sol (sem contar a chiadeira do sotaque). Nós só nos esquecemos que não é bem assim, e que diferente do que grande parte das pessoas pensa, nós goianos não somos só um bando de caipiras que só ouvem música sertaneja, comem pequi e tem uma lerdeza natural. A verdade é que esse preconceito bobo não está com nada, e todos, qualquer que seja seu sotaque, pode ser alguém interessanrte de se conhecer. Ainda mais quando se trata de Goiânia e Brasília - compartilhamos de hábitos muito parecidos, de cidades lindas e da mesma falta de tato uns para com os outros, não é mesmo. Ah! Eu amo Brasília, e garanto que tem muito brasiliense que ama Goiânia, afinal temos uam cidade muito bela e cheia de gente simpática. Na boa, quem conhece Goiânia quer virar goiano. Exemplos? Meu pai, meus avós paternos, povinho de São Paulo que adora Goiânia, vou te contar; e ainda tem os bons mineirinhos que não conseguem ficar sem a tal da Goiânia; tem os bahianos, tem os sulistas, tem os carioquinhas que amam passar as férias nessa cidade-jardim. Bom, é isso. Viva a diversidade, e viva Goiânia. o//

O livro pela capa

Vi este video e tive que compartilhar com vocês.

 

Vc que juga o livro pela capa olha isso ai.

 

 

pois é eu pensei a mesma coisa.

 

canta muitooooooooooo

 

vi no Bobagento

segunda-feira, abril 13, 2009

BLOGSFERA – E SELO

Bom quando o tempo passa e seu blog começa a ficar legalzinho, começa a surgir selos para vocês.. e eu recebi este selo da minha querida amiga Juliana do blog Juliana Ever que por sinal também tem este outro blog História de segunda, e também é autora adjunta deste querido blog.(Pensa numa mulher importante para o mundo blogstico.)

 

Então vamos ao selo.

selomeme 

Selo - Este blog me faz sorrir
Regras:
1. Ao receber o selo, listar 7 coisas que te fazem sorrir;
2. Indicar o selo para 7 blogs que fazem você sorrir;
3. Informar aos blogs indicados que eles receberam o selo

 

Bom vamos lá:

 

Coisas que me fazem rir:

 

1 – Estar com minha familia.

2 – Estar com os amigos;

3 – Caminhar, e observar tudo ao meu redor;

4 – Programar computadores;

5 – Ver pessoas chingando computadores;

6 – Falar que minha profissão é garoto de programa;

7 – E ver o Meu verdão da serrinha ganhar do vila nova.

 

blogs Felizardos com minha indicação:

 

A-Barda, AH-Zone, Blogando e andando, Sedentario e hiperativo,Dr Pepper, Bobagento, Gordo Nerd

sábado, abril 11, 2009

Um Goiano em Sampa.

A muito tempo estou pensando em escrever sobre isso, como não estou fazendo nada de legal hoje então acredito que vou conseguir terminar ele.

Desde pequeno sempre tive interesse por tecnologia, computador desde cedo foi minha vida. Foi por isso que larguei uma cidade de 70 mil habitantes para morar em goiânia novamente, mas isso é história para outro post.

Agora vamos ao que interessa, o goiano em sampa.

No momento que cheguei com os pés aqui confesso que me assustei um pouco, aqui tem no mínimo 10 goiânias, mas logo já me adaptei a cidade. Um ritmo todo novo, são pessoas muito interessantes e ao mesmo tempo ninguém tem muito tempo para disperdiçar.

Trabalhar em sampa é muito interessante… meu primeiro emprego foi numa empresa relativamente pequena, muita pressão e tal, muita cobrança e pouco salário. Tanto que no fim sai de lá. Agora sou consultor e sei o tanto que trabalhar aqui é bom e corrido.

Diversão é aos montes, o que não falta é lugares legais para ir, gente bonita para ver e mulheres muitas mulheres, rsrs.

Resumindo é um treim bom de mais sô.

Prometo que escrevo mais contando das minhas historias por aqui.

terça-feira, abril 07, 2009

Homenagem para os mineiros

Como todo goiano que se presa, amamos os mineiros vai uma história para eles.

 

ORGULHO DE SER MINEIRO...
Durante escavações nos EUA, arqueólogos descobriram, a 100 m de
profundidade, vestígios de fios de cobre que datavam do ano 1000.
Os americanos concluíram que seus antepassados já dispunham de uma rede
telefônica naquela época.
Os argentinos,
para não ficarem para trás, escavaram também seu subsolo, encontrando restos
de fibras ópticas a 200 m de profundidade.
Após minuciosas análises, concluíram que elas tinham 2.000 anos de idade.
Os argentinos concluíram, triunfantes, que seus antepassados já dispunham de
uma rede digital a base de fibra óptica quando Jesus Nasceu!
Uma semana depois,
em Belo Horizonte ,
foi publicado o seguinte anúncio:
Após escavações arqueológicas no subsolo de:
Contagem, Betim, Barbacena,
Formiga, Juiz de Fora, Varginha,
Poços de Caldas, Itajubá, Cataguases,
ARAXA, LAGOA DOURADA, SÃO JOÃO DEL REI,
UBERLÂNDIA, ARAGUARI, UBERABA,
DIVINÓPOLIS, PARÁ DE MINAS, VAZANTE,
ITUIUTABA, PITANGUI, PATOS DE MINAS,
PATROCÍNIO, VIÇOSA, PONTE NOVA,
TIMÓTEO, INHAPIM, FLORESTAL e diversas outras cidades mineiras,
até uma profundidade de 500 metros ,
os cientistas mineiros não encontraram absolutamente nada.
Assim se conclui que os Mineiros já dispunham, há 5.000 anos,
de uma rede de comunicações sem-fio:
WIRELESS (por isso se pronuncia 'uai'reless).

O Motorista Goiano

Para deixar claro desde o início, não sou goiano, sou o que chamam de candango, ou seja, nasci em Brasília, e fui criado no estado do Pará. Pretendo falar hoje sobre o trânsito e seu principal personagem, o Motorista.
Esta semana saiu no Jornal Anhanguera - 1ª Edição, sobre os problemas de trânsito. Dentre algumas coisas apontadas, o foco está na falha de sinalização e no excesso de rotatórias, localmente conhecida como queijinho. Mas, particularmente, eu creio que sinalização não é tão culpada assim, o que realmente me assusta aqui é a grande velocidade e o desrespeito que o Motorista tem com o seu companheiro de trânsito.
Podemos comprovar o fato com uma pesquisa rápida com trânsito Goiânia no Google, como no exemplo que temos no IVOX.
Creio que o principal problema é realmente a fala de respeito com o limite da vida que o Motorista tem, e que com um pouco mais de educação de trânsito nos CFCs e uma lei mais rígida para os motoristas, e uma re-avaliação das leis das seguradoras, aumentando os custos de danos com acidentes para os motorista, dentre outras coisas, amenizariam um pouco o problema. Afinal, como falam por aqui: Goianos têm chifres, e não asas.

quinta-feira, abril 02, 2009

….ia ter post hoje

IA ter mesmo.. mas abri o Live Writer.

 

Abri o navegador para pesquisar algo legal… e veio o sono, entao já era..

durante o dia posto algo para voces.

 

 

KISS!CALLME!

segunda-feira, março 30, 2009

O Tal do Sotaque

Vou começar me apresentando.
Então, sou a Juliana Marton, curso o período de jornalismo na Federal de Goiás. Tenho mais 2 blogs, um de trivialidades, o Juliana, ever, e um de histórias, o História de Segunda. Quando as aulas começam, geralmente, fico muito relapsa com os 2, e por isso, quando recebi a proposta do Kelvin de escrever no Pequi com Arroz, tive um leve surto, do tipo: "como assim?" OO. Mas logo me recuperei e achei extremamente interessante a idéia de escrever sobre algo que eu tenho (ou não, né) total-domínio: o ser goiano.
Nasci e vivi aqui em Goiás todos os anos da minha vida. Goiânia foi, na maior parte do tempo, a minha casa, mas morei 2 anos no interior (sem traumas; criança é tranquilo demais). Enfim, sou goianíssima, só não tenho o pé rachado e nem como o tal do pequi. Sim, eu sei... que contradição escrever num blog com esse nome. Mas eu nem acho tanto assim. Afinal, sem dúvidas, o pequi é uma referência goiana, e apesar de eu não gostar sequer do cheiro, respeito quem gosta - é o velho ditado: "Gosto é igual [...]" àquilo que todos já sabem. ;D
Enfim, mas não é só o tal do pequi que comprova essa nossa goianice (neologismo, plx), há o sempre bom e velho sotaque. Eu, como todo goiano, falo poRRRta, e, às vezes, engulo o 'd' nos gerúndios, a la 'fazenu', 'comenu'. Ô trem feio, né, gente. E sabe o que eu percebi? Piora ainda mais dependendo de com que se está conversando. É um terror quando junta a família toda. Vira um tal de "cóisa o trem" pra cá e "tô coisânu" pra lá que um desconhecedor dessa nossa língua pode ficar bem perdido e sem entender bulhufas do que dizemos, não é. Ou pior... entender tudo errado. :S Mas, por mais estranho que pareça, ainda tem uns doidos que apreciam o tal do sotaque.
Recebi um email de uma amiga, goiana como eu, há um tempo. Nele, um cara falava dAs Goianas (quem quiser lê-lo na íntegra é só deixar o email que eu mando, ok). Sim, sabemos que somos uma referência no país. Mas daí a ele falar que:

"O sotaque das goianas deveria ser ilegal, imoral ou engordar, já que tudo que é bom tem um desses horríveis efeitos colaterais... Como é que o falar lindo e charmoso ficou de fora? Por que Deus, que sotaque! Goiana devia nascer com uma tarja preta avisando: Ouvi-la faz mal a saúde. Confesso: esse sotaque me desarma. Certa vez, quase propus casamento a uma goiana que me ligou por engano."

Sim! Ri litros desse email. Eu, particularmente, não gosto de sotaque nenhum em excesso, foge à sonoridade. Um 's' a mais ali, ou um 'r' mais puxadinho, ou ainda um jeitinho mais arrastado de falar, é até engraçadinho. Dá uma sonoridade diferente às palavras. Mas aqueles carregados... é bem chatinho. Enfim, existe gosto pra tudo, e é sempre bom que existam uns malucos apaixonados por esse nosso sotaque - no final, quem sai lucrando somos nós. ;]

A Hora do Planeta

Bem, postando minha experiência com a Hora do Palneta:
Primeiramente decidi deixar os posts um tempo devido a Hora do Planeta (tanto no Pequi, com Arroz quanto no Alternative HyperZone), me ausentei o máximo de computadores e TVs para não sofrer tanto com o impacto de uma hora totalmente as escuras. Foi uma excelente experiência, sei que no estado não teve tanta participação (olha que tentei conversar com o próprio governador sobre isso) mas algumas cidades tiveram participação, e agradeço aos empresários e políticos que tornaram o estado do Goiás um dos estados com participação no Hora do Planeta 2009.
O interessante que, além de consegui convencer a minha família a participar não foi muito fácil, em um sábado a noite, reunir ás escuras e conversar não é muito fácil, mas foi uma experiência no mínimo interessante.
Primeiro tivemos que arrumar uma temática então criamos um acampamento virtual (nem no mundo real este termo me deixa em paz) e armamos umas barracas, uma fogueira de brincadeira, várias lanternas e um violão deram um toque especial na noite. Então jntamos a família, que aualmente encontram-se em 12 pessoas entre tias, primos, irmãos, sobrinho, etc, etc...
Foi muito engraçado alguns quererem quebrar o voto pelo planeta, mas tenho um bom papo de pessoa preocupada com o planeta, e realmente tenho essa preocupação com o futuro, e logo acabavam desistindo de ligar uma lampada ou a TV.
Ao final da hora, o problema foi quere acabar com aquilo, brincadeira que extendeu-se até aproximadamente 23 horas daquela noite.

Abaixo segue algumas cidades do estado que fizeram parte da Hora do Planeta, e que merecem toal honra em virtude disto. As cidade participantes são:

Cachoeira Alta - GO
Goiânia - GO (Apesar de não encontrar-se listada, encontrei algumas empresas que são daqui e, logicamente, eu também.)
Itaruma - GO
Posse - GO
Quirinópolis - GO
Rio Verde - GO

Foram um total de 107 cidades, 1106 empresas, 501 organizações e 52 veículos de mídias diversos.
As cidades, empresas e organizações podem ser verificadas clicando aqui.

Agora até a próxima Hora do Planeta. E que as postagens continuem...

domingo, março 29, 2009

Parabéns para mim.

Parabens para mim mesmo.

parabens7ano

Neste maravilhoso dia a 24 anos (não tenho nenhum problema com esta idade. Sei que amo mulher, e meu lado feminino assassinei ele quando estava na barriga da minha mãe, rsrsr) atrás estava nascendo eu mesmo, o mundo estava ficando muito melhor.

Agradeço a todos que fizeram possível eu estar aqui 24 anos depois, agradeço primeiramente meus maravilhosos pais, que se não fosse por eles nem estaria aqui. Minhas irmãs que são chatas e tudo, mas amo mais que tudo e que são algumas das pessoas que confio plenamente na minha vida.

Agradeço aos parentes, que sempre auxiliaram na medida do possível.

Aos amigos, que me auxiliam nos momentos que são complicados, sei que são poucos mas para mim é o suficiente.

Aos meus companheiros de blog, que vão fazer este humilde pequi ficar famoso, rsrsrs.

Todos fazem parte do que sou hoje, e sem vocês eu seria totalmente diferente do que sou hoje. Agradeço a todos, e para comemorar meu niver sempre tem que ter muita coca cola. vamos nos embriagar de coca…

coca-cola

 

PARABENS PARA MIM

sábado, março 28, 2009

O álcool mata

A mulher vai buscar os exames do marido no Hospital e a doutora diz: 
- O seu marido tem cirrose, gastrite, tuberculose, pneumonia... A senhora não acha que ele anda bebendo demais? 
- Nem me fale, Doutora! Aquele homem só pensa em beber, beber, beber! 
- Mas isso tem solução! - consolou a médica - Sabia que o meu ex-marido era igualzinho? 
- Não me diga... 
- Digo sim! - continuou a Doutora - Ele tinha um teor altíssimo de álcool no sangue! Mas eu descobri que o maior problema dele era falta de fósforo! 
- E a senhora usou vitaminas para curá-lo? 
- Não! Eu acendi um fósforo e joguei na boca dele!

sexta-feira, março 27, 2009

Seguindo com mudanças

Pronto, agora seguindo com nossas mudanças e aprimorando o jeito do pequi com arroz, fiz mas uma contratação para a equipe. A moça é fera escreve muita futura jornalista. Juliana

 

Breve ela vai começar a escrever tambem sobre o que ela estiver afim, e quando ela desejar, porque aqui mulher tambem tem vez, mas tem que ser goiana.

 

Agora fecho o periodo de contratações para o blog, e vamos que vamos rumo a dominar o mundo.

 

Como fiz um post muito grande na ultima vez e eu como bom programador que sou não gosto muito de falar fico por aqui.

 

SEJA BEM VINDA JULIANA e DIEGO

quarta-feira, março 25, 2009

Mudanças

Devido a atual crise, pessoas desempregadas e tudo mais, este humilde blog está passando por tudo isso e investindo no seu crescimento.

 

Confiando no que o presidente Lula disse, que seria só uma marolinha. Estamos passando pela crise e investindo bilhões de Estalecas no crescimento disto aqui.

 

Logo logo estaremos nas bolsas de valores e viveremos felizes em algum lugar de dubai. Gastando nosso humilde dinheiro atoa lá, e viajando por todo o mundo explicando com ter um mega milhonario blog. Se quiserem aprender tem um post meu ensinando a ganhar dinheiro com o blog. Não vou linkar por preguiça mesmo.

 

Pois voltando ao assunto original, o blog está em expansão e mudanças, visando o mega crescimento em tempos de crise. Para isso fomos buscar um paraense erradicado em Goiania que adotou está terra como casa. Convidei o senhor diego da silva, capinador de lotes, atoa de profissão e administrador de redes linux nas horas vagas, para fazer parte da elite que posta no blog. (Breve acredito que vai ter um post dele)

 

Que ele seja bem vindo e que possamos agregar mais conteudo ao nosso blog e falar mais de goiania.

 

Vamos lá rumo aos 200 acessos diarios.

domingo, março 15, 2009

O que é ser goiano

Ser goiano é carregar uma tristeza telúrica num coração aberto de sorrisos; é ser dócil e falante, impetuoso e tímido. É dar uma galinha para não entrar na briga e um nelore para não sair dela. É amar o passado, a história, as tradições, sem desprezar o moderno. É ter latifúndio, e viver simplório, comer pequi, guariroba, galinhada e feijoada, e não estar nem aí para os pratos de fora. Ser goiano é saber perder um pedaço de terra para Minas, mas não perder o direito de dizer também 'uai', 'este negócio', 'este trem', quando as palavras se atropelam no caminho da imaginação.
O goiano da gema vive na cidade com um carro-de-boi, cantando na memória. Ser goiano é ir à Trindade todos os anos, cumprindo promessas, na Festa do Divino e na Festa de Nossa Senhora do Muquém. Acredita na panela cheia, mesmo quando a refeição é abobrinha e quiabo. Lê poemas de Cora Coralina e sente-se na eterna juventude. Ser goiano é saber cantar música caipira e conversar com Beethoven, Chopin, Tchaikovsky e Carlos Gomes. É acreditar no sertão como um ser tão próximo, tão dentro da alma. É carregar um eterno monjolo no coração e ouvir um berrante tocando longe, bem perto do sentimento.
Ser goiano é possuir um roçado e sentir-se um plantador de soja, tal o amor à terra que lhe acaricia os pés. É dar um tapinha nas costas do amigo, mesmo quando esse amigo já lhe passou uma rasteira.
O goiano de pé-rachado não despreza uma pamonha, e teima em dizer 'ei, trem bão!'; ao ver a felicidade passar na janela, exclama 'viche!', quando se assusta com a presença dela.
Ser goiano é botar nos pés uma botina rangedeira e dirigir tratores pelas ruas da cidade. É beber caipirinha com tira-gosto a tarde, com a cerveja na eterna saideira. É fabricar rapadura, ter um passo-preto nos olhos e um santo por devoção.
O goiano histórico sabe que o Araguaia não passa de um 'corgo', tal familiaridade com os rios. Vive em palacetes e se exila nos botecos da esquina. Chupa jabuticaba, come bolo de arroz e toma licor de jenipapo. É machista, mas deixa que a mulher tome conta da casa.
O bom goiano aceita a divisão do Estado, por entender que a alma goiana permanece eterna na saga do Tocantins.
Ser goiano é saber fundar cidades. É pisar no Universo sem tirar os pés deste chão parado. É cultivar a goianidade como herança maior. É ser justo, honesto, religioso e amante da liberdade.
Brasília em terras goianas é gesto de doação, é patriotismo. Simboliza poder. Mas o goiano não sai por aí contando vantagem.
Ser goiano é olhar para a lua e sonhar, pensar que é queijo e continuar sonhando, pois entre o queijo e o beijo, a solução goiana é uma rima.
José Mendonça Teles In: Crônicas de Goiânia

sábado, março 14, 2009

No estilo EMO DE SER

 03

Bichinho legal….

 

Achei aqui Peguei na cara de pau

E Goiania….

Goiânia….

Minha cidade ficou conhecida no brasil todo….

 

Depois do cara que estacionou a aeronave no estacionamento do shopp…

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

 

coisas que só acontece lá… Mas quem tem na cidade um avião que caiu num shopp… eu não encontrei ainda.

 

E eu vou para lá semana que vem…

 

De avião..KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKkk

 

 

Flow galera.

sábado, março 07, 2009

Volta…

Retornando a minha vida normal, acredito que este mês de março será um mês mais calmo que fevereiro, considerando que fevereiro trabalhei em metade dos fins de semana incluindo o carnavalico.

 

Trabalhar tanto assim tem suas vantagens, não preciso ficar aturando pessoas chatas no meus momentos de folga, o local de serviço fica uma paz se aquele povo chato enchendo o seu saco. Nunca senti tanta paz para trabalhar como em um carnaval.

 

Mas considerando que sou solteiro, e que festar(pegar umas peguetes e tal) é muito bom, penso pelo lado positivo sempre. Ganhei uma grana boa e vou poder celebrar meu aniversario que está chegando da melhor forma possível com muito dinheiro no bolso.

 

No mais, estou aqui em um fim de semana em casa, é até meio estranho não ter nada para fazer relacionado a trabalho… depois de quase um mês passando meus fins de semana indo para lá.

 

Agora que passou estou aqui de volta para todos vocês.

segunda-feira, março 02, 2009

Desculpas

Estou trabalhando muito por isso estou meio sem tempo para dedicar aqui… agradeço a todos pelas visitas e bjos.

segunda-feira, fevereiro 23, 2009

Sumiço

Gente…

 

desculpa por ter sumido é que estou meio corrido aqui.

 

Trabalho… trabalho, trabalho…

 

Mas meu carnaval foi muito bom… ao inves de gastar dinheiro fiz foi ganhar, trabalhando… mas logo volto com os posts normalmente.

sábado, fevereiro 07, 2009

Meu Banner Link Ae


Bom galera depois de muito tempo de espera está a versão beta do banner

Catira

Catira ou cateretê é uma dança do folclore brasileiro, em que o ritmo musical é marcado pela batida dos pés e mãos dos dançarinos.

De origem híbrida, com inflências indígenas, africanas e européias, a catira (ou "o catira") tem suas raízes em Goiás, norte de Minas e Interior de São Paulo. A coreografia é executada a maioria das vezes por homens (boiadeiros e lavradores) e pode ser formada por seis a dez componentes e mais uma dupla de violeiros, que tocam e cantam a moda.

É uma dança típica do interior do Brasil, principalmente na área de influência da cultura caipira (São Paulo, norte do Paraná, Minas Gerais, Goiás e partes do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul).

A coreografia da catira é quase sempre fixa, havendo poucas variações de uma região para outra. Normalmente é apresentada com dois violeiros e dez dançadores.

 

ORIGEM

A Catira tem sua origem muito discutida. Alguns dizem que ela veio da África junto com os negros, outros acham que é de origem espanhola, enquanto estudiosos afirmam que ela é uma mistura com origens africana, espanhola e também portuguesa – já que a viola se originou em Portugal, de onde nos foi trazida pelos jesuítas. A Catira pode também ser chamada de Cateretê. Diversos autores nos contam que a catira (ou cateretê) no Brasil, é conhecida desde os tempos coloniais e que o Padre José de Anchieta, entre os anos de 1563 e 1597, a incluiu nas festas de São Gonçalo, de São João e de Nossa Senhora da Conceição, da qual era devoto. Teria Anchieta composto versos em seu ritmo e a considerada própria para tais festejos, já quer era dançada somente por homens, fato que se observa, ainda hoje, em grande parte do país. Atualmente, ela é dançada também por homens e mulheres ou só por mulheres. Catira ou Cateretê é uma dança genuinamente brasileira.

 

EVOLUÇÃO

A Catira em algumas regiões é executada exclusivamente por homens, organizados em duas fileiras opostas. Na extremidade de cada uma delas fica o violeiro que tem à sua frente a sua “segunda”, isto é, outro violeiro ou cantador que o acompanha na cantoria, entoando uma terça abaixo ou acima. O início é dado pelo violeiro que toca o “rasqueado”, toques rítmicos específicos, para os dançarinos fazerem a “escova”, bate-pé, bate-mão, pulos. Prossegue com os cantadores iniciando uma moda viola, com temática variada em estilo narrativo, conforme padrão deste gênero musical autônomo. Os músicos interrompem a cantoria e repetem o rasqueado. Os dançarinos reproduzem o bate-pé, bate-mão e os pulos. Vão alternando a moda e as batidas de pé e mão. O tempo da cantoria é o descanso dos dançarinos, que aguardam a volta do rasqueado.

Acabada a moda, os catireiros fazem uma roda e giram batendo os pés alternados com as mãos: é a figuração da “serra abaixo”, terminando com os dançarinos nos seus lugares iniciais. O Catira encerra com Recortado: as fileiras, encabeçadas pelos músicos, trocam de lugar, fazem meia-volta e retornam ao ponto inicial. Neste momento todos cantam uma canção, o “levante”, que varia de grupo para grupo. No encerramento do Recortado os catireiros repetem as batidas de pés, mãos e pulos.

 

boa parte ( ou quase todo conteudo você pode conferir na wikipedia.)

Agora para vocês podem conferir uma apresentação aqui.

quarta-feira, fevereiro 04, 2009

Mas uma dos desenhos da minha infância

Continuando a serie…

Agora um epico, quem nunca desenhou um Pegasus, ou um Andromeda, e todos os outros.

 

Ta ai o cavaleiro dos Zodiacos

 

Indignação com uma certa Organização

Putz, tem um povo que não tem nada para fazer o dia todo, mas do que eu e você meu amigo, e ficam enchendo a paciência dos que se propoem a ajudar todos os que gostam que ter a velocidade da informação.

 

Essa semana tiraram o legendas.tv alegando que o site continha material ilegal, mas caros amigos, não mostraram quais seriam esses materiais, sendo que pelo que sei traduzir um texto nunca foi crime em lugar nenhum. O problema seria comercializar algo de propriedade dos outros, lá pelo que eu sei nunca fez isso.

 

Se fosse para tirar do ar, teriam que matar o torrent e outras porcarias a mais na internet, no fim todo mundo migraria para onde está os servidores piratebay e todos viveriam em paz, longe destas legislações idiotas. Se querem acabar com isso, estão indo pelo caminho errado e muito errado, pois com isso só conseguem aumentar a popularidade destes sites.

 

Não, não sou a favor da pirataria, mas sou a favor da justiça. Provem que o legendas tinha algo errado e concordo com todos para tirar.

 

E fiquei sabendo que o insubs tambem tinha saido do ar. Aff.

domingo, fevereiro 01, 2009

Contos e piadas do povo goiano.

Todo o domingo para vocês, e unicamente para vocês, queridas meia pessoas que acessam o blog diariamente para ver as novidades que vou mandar para vocês. (minha alto-estima é exageradamente alta)

 

Todo domingo é dia de se divertir e de aprender algo mais sobre goianos… então quem sabe ouvir piadas diretamente dos goianos. E vou contar outras também como eu quiser, porque o blog é meu também claro.

Mas o que importa que domingo é dia de rir.

sábado, janeiro 31, 2009

Eu mereço

Olha as coisas que recebe por email… ninguém mereçe!

 

Caros colegas,

( ... seja o que Deus quiser ! ... )
Caros colegas!   
Não estou acreditando, mas como recebi esse e-mail de uma pessoa de extrema co nfiança, repasso a vcs e vamos ver no que dá.
URGEEEEEENNTEEEEEE!!!!!!!
Microsoft e AOL são agora os maiores empresas de Internet.
E para ter certeza de que a internet Explorer é realmente o programa mais
usado a Microsoft e a AOL iniciaram um E-Mail Beta netTest.
Se você enviar esse e-mail a amigos a Microsoft pode e vai por um
período de 2 semanas rastrear esse e-mail.
Para cada pessoa que você mandar este e-mail a Microsoft vai pagar U$245,00.
Para cada pessoa a quem você enviar, que enviar este e-mail adiante a
Microsoft paga a você $243,00.
E para cada terceira pessoa que receber este e-mail você recebe $241,00
da Microsoft.
Daqui a 2 semanas a Microsoft vai te contactar neste teu endereço e te
enviar um cheque.
Eu também pensei que era besteira mas 2 semanas depois de receber esse
e- mail, a pessoa que mandou-o para mim foi contactada pelo Microsoft
dentro de alguns dias ele recebeu um cheque de R$24.800,00.

Você deve responder antes que o beta Teste termine.

Se alguém pode se dar a este luxo este alguém é o Bill Gates, o homem para

estas coisas. Isto tudo é estratégia de
Marketing dele.

Eu te desejo muito sucesso.

Apenas mande adiante,
Não custa nada, apenas um pouco de tempo em selecionar aqueles que irão
receber o repasse deste mail.

Aff… eu mereço mesmo…

odeio correntes.

Sessão Cultura Goiana

A partir de hoje, todo sábado irei postar algo sobre a cultura goiana. Para quem não conhece goiás conseguir entender como funciona as coisas por lá. para provar que não é só mato. mas temos muitas coisas boas lá também.

 

Se você gostar de conhecer novas culturas, um povo divertido e caloroso. Eu te convido a apreciar está serie de posts que vou fazer aqui. Onde irei mostrar as raízes goianas, o que os antigos passaram para nós, e o que nós jovens gostamos de fazer também.

 

Durante este tempo espero que vocês se apaixonem por este meu lindo Goias de uma cultura toda diversificada. Cheia de pessoas divertidas, batalhadoras e que buscam tratar sempre bem quem vem para as suas terras (menos os candangos) .  É assim que te convido a apreciar goiás.

sexta-feira, janeiro 30, 2009

Apple não inventou o Iphone

Essa é boa… após investigações foi descoberto que a apple apenas copiou(kibou) o  iphone de outro inventor…

 

E qual seria este inventor o nada mais nada menos que o DaVinci…

 

dúvida. veja os esbouços do Iphone, por leonardo da vinci.

Este post é patronicinado (pego) do Attuworld. Passa lá

segunda-feira, janeiro 26, 2009

Estou no Blogs Blogs

Agora estou no blogs blogs tambem…

 

Campanha rumos as 1 visitas diarias… rsrs

 

BlogBlogs.Com.Br

Meu blog é tal ruim que…

1 - Meu blog é tão ruim, mas tão ruim, que as únicas visitas que têm é da minha vó que é vesga e da minha mãe que toda vez que vê fala: “Menino, para de fazer tanta besteira e vai estudar!”

2 - Meu blog é tão ruim que o Google Analytics me mandou um e-mail afirmando “Não podemos processar estatísticas negativas”.

3 - Meu blog é tão ruim que o pessoal do PageRank criou uma etiqueta só pra mim: PageRank 1/2 (meio).

4 - Meu blog é tão ruim que quando o pessoal do Google Adsense viu minhas receitas geradas até então, me mandaram uma cesta básica com os dizeres: “Você irá superar isso. O Google está com você.”

5 - Meu blog é tão ruim que na festa de lançamento da novela Caminho das Índias nem para ser garçom eles me aceitaram.

6 - Meu blog é tão ruim que engordei, perdi amigos, namorada, virei sedentário, parei de estudar e me exercitar, não vejo filmes, não respiro ar puro e nem viajo… em vão!

7 - Meu blog é tão ruim que o Wordpress me ligou perguntando se eu não queria virar cantor sertanejo.

8 - Meu blog é tão ruim que os spammers lançaram um protocolo dizendo que nada adiantaria mandar spam para ele. Eles alegam que “não dará retorno algum“.

9 - Meu blog é tão ruim que o único comentário que tem é aquele padrão do Wordpress: “Olá, isso é um comentário!”.

10 - Meu blog é tão ruim que no BlogBlogs ele é sempre o penúltimo no ranking. O último é sempre o da Preta Gil.

11 - Meu blog é tão ruim que quando peço parceria pra alguém sempre vem um e-mail dizendo “Só faço parcerias com um blog que tenha no mínimo 10 visitas diárias.”

12 - Meu blog é tão ruim que a única vez que algúem me linkou foi em um post chamado “Jamais faça isso em casa.”

13 - Meu blog é tão ruim que quando o cantor Falcão visitou ele gostou.

14 - Meu blog é tão ruim que quando eu abandoná-lo dará mais visitas que agora.

15 - Meu blog é tão ruim que quando eu for excluí-lo não aparecerá a mensagem “Deseja confirmar essa operação?”.

16 - Meu blog é tão ruim que quando comento nos outros blogs e linko meu blog os moderadores apagam meus comentários.

17 - Meu blog é tão ruim que as minhas motivacionais são, literalmente, para me motivar.

18 - Meu blog é tão ruim que quando procuro ele no Google ele retorna “Você quis dizer…”

Via Baciotti.org.

sexta-feira, janeiro 23, 2009

Dicionário de Goianês

Seguindo a linha do dicionário de goianês, vou continuar com um post exclusivo para esta que é a máxima.

 

Se você for em goiás e ouvir a seguinte Goiano de “pé rachado”, não se assuste, está é uma expressão popular lá.

 

“pé rachado” significa que a pessoa tem pai e Avôs todos de goiás no meu caso por exemplo.

 

 

Uma abraço do Goianão aqui “ Pé Rachado”.

quinta-feira, janeiro 22, 2009

Graças a minha irmã

Ter uma dupla de irmãs é fogo, como dizem aqui em sampa é Osso, agora virei o Irmão Ursão… Eu mereço mesmo.

 

Uma delas me mandou isso…

 

Havia um jovem que, na sua infância, tinha o desejo de se tornar um grande escritor.
Quando lhe pediam para definir grande, ele dizia:
- Quero escrever coisas que todo mundo venha a ler, coisas a que as pessoas reajam num nível verdadeiramente emocional, que as façam gritar, chorar, gemer, e lhes cause desespero e raiva!
Hoje, aquele jovem finalmente atingiu seus objetivos! ele trabalha na microsoft escrevendo as mensagens de erro...

 

 

kkkkkkkkkkkkkkkk

 

Eu mereço mesmo…

 

Amo muito você maninhas

sexta-feira, janeiro 16, 2009

Fascinante Brasil!

A incrível variedade cultural que existe no Brasil, faz deste pais um lugar fascinante. Não abro mão disto aqui por dinheiro nenhum fora do Brasil. As pessoas que convivem de perto comigo sabem bem disso, além do mais que agora estou no emprego que queria.

 

Conheço pouco ainda do Brasil. Sou goiano com muito orgulho, nasci em Goiânia, comendo pequi (Se não sabem que é Clique Aqui). Morei em caldas novas (cidades das aguas quentes). Visitei algumas cidades de Goias, Minas Gerais.

 

Hoje, estou aqui em são paulo, fazendo o que eu mais gosto que é trabalhar com informática, e agora vou poder aliar duas coisas que eu amo, viagens e informática.

 

Tudo isso, que falei para dizer que neste blog tera uma secção onde irei contar minhas viagens, aproveitando também que estou solteiro posso aproveitar muito bem estas viagens.

 

Obrigado pela visita.

E comentem

quinta-feira, janeiro 15, 2009

Dicionario de goianês prô ceis!

  • Um micro-dicionário goianês-português para você, quando vier conhecer a cidade e poder usufruir de toda a simpatia do povo goianiense, entendendo tudo que ele diz!
  • Obs.: Os verbetes abaixo servem para todo o Estado de Goiás.

Verbetes

  • Deixa eu te falar - Com a variação Ow, deixa eu te falar. Introdução goiana para um assunto sério. Nunca, mas nunca mesmo, chegue para um goiano falando diretamente o que você tem que falar. Primeiro você tem que dizer 'ow, deixa eu te falar', para prepará-lo para o assunto. Em Goiás você precisa seguir o ritual de uma conversação. Ex.: 'E aí, bão? E o Goiás, hein? Perdeu! Tem base? É por isso que eu torço pro Vila. Oww, deixa eu te falar, lembra aquele negócio que eu te pedi…' A forma abreviada é te falar.
  • Deixa eu te perguntar - A mesma coisa que deixa eu te falar, mas usado, obviamente, quando você vai perguntar algo.
  • Acho paia - Equivalente a 'É Foda', que significa achar algo sem graça; ruim; de mal gosto...enfim, paia!
  • Chega dói - Chega a doer. Ex.: Deixa eu te falar, essa luz é tão forte que chega dói a vista. Na verdade essa forma pode ser usada com quaisquer outros verbos combinados com o verbo 'chegar'. Ex.: chega arranha, chega machuca, chega engasga.
  • Chega doeu - Chegou a doer, ou seja, o passado de chega dói.
  • Uai - Palavra que normalmente não tem sentido, mais ou menos como o tchê do gaúcho. Usado normalmente em respostas. Ex.: Pergunta: Goiano, você vai à festa hoje?; Resposta: Uai... vou!
  • Encabulado - Impressionado. Ex.: Estou encabulado que você nunca tenha ouvido alguém falar 'chega dói' antes.
  • Bão? - Goianês para 'Tudo bem?' Também é usada a forma bããããão?
  • Tá boa? - Goianês para 'Tudo bem?' usado para mulheres. Em outras regiões do Brasil seria interpretado de outra forma…
  • Bão mesmo? - É comum usar o 'mesmo?' depois de coisas como 'e aí, tá bom/bão', como se pedisse uma confirmação de que a pessoa tá bem e não apenas fingindo que está bem.
  • Piqui - Pequi, fruto típico de Goiás, bastante usado na culinária goiana.
  • Mais - substituto goiano da conjunção 'E'. Ex.: Eu mais fulano estamos no Goiás.
  • No Goiás - Em Goiás.
  • Na Goiânia - Em Goiânia.
  • Pit Dog - Uma espécie de filho bastardo de uma lanchonete com uma barraquinha de cachorro-quente. Apesar desse nome estranho, os sanduíches são muito bons!
  • Queijim - Rotatória.
  • Tem base? - Expressão tão goiana que existe até em slogan impresso em bandeiras e camisetas exaltando o Estado: Sou goiano. Tem base?. Pode ser traduzido como 'Pode uma coisa dessas?', só que usado com muito mais frequência.
  • Mandruvá - Mandorová.
  • Coró - mesmo que mandruvá.
  • Dar rata - Algo como cometer uma gafe. Ou seja, dar rata é o goianês para 'fazer merda'
  • Calçada - Pode significar: 1. Lugar para estacionar carros; 2. Local onde se colocam as mesas dos botecos e restaurantes. 3. Ponto de venda dos camelôs. Note que não existe, em Goiás, calçada no sentido de lugar para pedestre, pois não sobra espaço para pedestres entre os carros e as mesas.
  • Anêim - Algo que parece ter vindo de 'Ah, não!', que virou 'Ah, nem!' Mas, às vezes, é simplesmente usado na frase com um sentido de desagrado. Quando vejo escrito por aí, vejo o povo escrevendo 'anein', 'aneim', 'anêim' e outras variantes. Ex.: se eu ia viajar com a turma e de repente não posso mais, alguém exclama: 'Anêeeim, cara! Que pena!'
  • Arvre - Árvore (isso lembra 'As arvres somos nozes')
  • Arvrinha - Árvore pequena.
  • Arvrona - Árvore grande.
  • Madurar - Amadurecer.
  • Corgo - Lê-se córrr-go. Córrego.
  • Corguim - Lê-se córrr-guim. Diminutivo de corgo.
  • Quando é fé - Algo como de repente, ou até que. Ex.: 'Estava no consultório do dentista, ouvindo aquele barulhinho de broca, e quando é fé sai um menininho chorando de lá.'
  • Num dô conta - Pode ser traduzido como Não consigo, não sei, não quero, não gosto, etc. No resto do País, não dar conta é usado mais no sentido de 'não aguentar'. Por exemplo: Não dei conta do recado, ou Não dou conta de comer isso tudo sozinho. Já aqui em Goiás é usado para quase tudo. Ex.: Num dô conta de falar inglês ('não sei falar inglês'); Num dô conta de continuar em Goiânia nas férias ('Não quero/não aguento continuar em Goiânia nas férias); Num dô conta de imprimir usando esse programa ('não sei imprimir usando esse programa').
  • De sal - Salgado. Ex.: Pamonha de Sal. (Eu jurava que era de milho… dãã)
  • De doce - Se 'de sal' é salgado, então 'de açúcar' é doce, certo? Errado! Em Goiás as coisas não são doces, elas são de doce.
  • Esbaforido(a) - Quando se está aguniado.
  • Aguniado(a) - Quando não está suportando mais algo, ou seja com agonia.
  • Tãotá - Aglutinação tosca de 'então tá' Ex: Tãotá combinado pra amanhã a noite no posto de gasolina. Tãotá bão.
  • Apertume - Muito apertado, apertado mesmo, apertado de com força.
  • De com força - O cúmulo da ênfase. Quando os nativos não tem mais palavras pra se expressar.
  • Segue toda vida - Quando algum goiano tenta orientar um turista perdido e quer dizer que deve andar por muito tempo em
linha reta, ou seja, pra frente por uma longa distância.
  • Caçar - Procurar. Goiano não procura, goiano caça. Ex.: “Estive te caçando o dia inteiro”. “Não sei onde está, mas vou caçar esse papel para você.”
  • Trem - Qualquer coisa pode ser chamada de trem, inclusive um trem. Ex.: “Ôôô trem bão!” (ô, coisa boa!) Já ouvi até mesmo a seguinte declaração de amor: “Te amo, Trem!”.
  • Dimais da conta - Em Goiás, deve-se evitar utilizar a palavra “demais” isolada. A forma correta é “demais da conta”. Ex.: “Gosto disso demais da conta!”. “Conheço a região demais da conta!”
  • Custoso - Teimoso. Também ouço como se fosse algo que dê trabalho. “Esse moleque é custoso demais da conta!”Quando se encontra uma criança sempre se diz:``eêh,qui mininu custosos´´!?
  • Voadeira - Voadora (o golpe, agressão).
  • Ou quá ? - Algo como “ou o quê?”. Ex.: “Você vai sair com a gente ou quá?”
  • Apia ! - Não pense que eles esta querendo falar com os PINTOS(ave filhote de galinha)e sim pedindo pra você descer...( VAMOS APIA = VAMOS DESCER)
  • Mala - No resto do mundo, significa pessoa chata, insuportável. Lá, é como se chamam espertos, políticos e malandros em geral.
  • Vô ligá lá in casa! - Na Goiânia e no Goiás, não se telefona 'para', e sim 'em', 'na' ou 'no'.
  • Enriba ou Arriba- O mesmo que ``em cima´´.``Vô lá pr´Arriba agora´´.``Sobe lá Enriba´´.

Já atualizado com a nova regra gramatical.

OLá Pessoal conheçam a minha cidade

e suas características culturais, estatísticas etc.
Arquitetura e Urbanismo

Cartaz da semana passada anunciando a criação de Goyania

Cartaz da semana passada anunciando a criação de Goyania

Goiânia é a maior cidade do enorme estado que é Goiás e não a maior cidade-satélite do interior de Brasília como acreditam os candangos bombados. É a capital dos Estados Unidos da América desde 858 milhões de anos a.C. A economia é baseada na exportação de seu subproduto industrial, os cantores sertanejos,las chicas hermosas(que vão 'trabalhar' na europa), o césio 137 usado para maquiagem de luxo, os chifrudos e do principal produto da alimentação local: o pequi. Foi planejada por um arquiteto doidão e caipira que morreu de acidente de asa delta antes que existisse a asa delta. O nome dele era Atílio Corrêa Lima, que copiou as plantas das cidades criadas pelo arquiteto Eliebezer Howard, um inglês com nome de pé-de-toddy, mas que era muito rico e foi estudar na França. Esse Howard que criou as cidades jardins pelo mundo como 'Washington' - nome de pobre, 'Versalles' - nome de carro de pobre, 'Marselha' - e não a morselha (linguiça), que, como 'Goiânia', são consideradas cidades jardins. Por isso que em Goiânia tem área verde feita pelo nosso Coroné Iris Rezende, mais do que em todo mundo junto, só perdendo para Curitiba, Campo Grande e Plano Piloto de Brasília, apesar do que na capital de Goiás haver muito mais grileiro do que na capital do Paraná e do Mato Grosso do Sul juntas e na capital da República. Lá na Goiânia tudo é o mió e maió do mundo. Goiano é por natureza megalomaníaco.
Essas áreas verdes são para os bois pastar, mas também são árvores típicas do que sobrou do cerrado e um monte de mangueiras que o prefeito mandou erguer para colocar seus cargos em comissão para catar a deliciosa fruta que se parece com um pequi grande, mas não tem espinhos no caroço. Peter Ludwig, sertanista e velejador que, sabe-se lá a razão, era viciado em pequi foi consultor do governante estadual Pedro Ludovico Teixeira, o mesmo cara que batizou o Palácio do Governo e que, na verdade, deu ordem de invadir o cerrado e construir uma capital mais decente que a velha, esta última chamada hoje de Goiás Velho ou a Capital dos Bobos ou Vila de Boa.
Conta lenda que o parque mais famoso da cidade, o Vaca-Brava, tem esse nome em homenagem a mãe do Boi Bandido, conhecida por esse carinhoso nome, e que num dia durante a época de pequis, a senhora Vaca-Brava resolveu ir para o brejo e nunca mais voltou...o brejo foi reformado, e ganhou o nome da ilusre vaquinha.
Goiânia fica num lugar tão-tão longe, onde as pessoas só visitam para comprar roupa (as que não sabem da existência do bairro do Brás em São Paulo, ou para morrer, como diz a música muito famosa: 'Fizêmo a úrtima viage...foi lá pru sertão de Goiáis...'
É também a única cidade onde a rodoviária, localizada num shopping, é mais bonita e estruturada que o aeroporto, esse que tem uma área péssima de alimentação e entreternimento para quando a crise aerea se estabelece no país, lembre-se, quando a crise aerea estiver dando sinais, reze para você não estar em Goiânia no momento.
Grande fenômeno é estudado em Goiânia em relação a quantos corpos podem ocupar o mesmo espaço quando se pega ás 18:00 horas o ônibus do eixo anhanguera e o cruzeiro-universitário via terminal izidória (vulgo 020), sem falar no Garavelo-Centro eixo T9. A situação piora gravemente quando chove, pois parece que a cidade inteira resolve andar de ônibus na chuva.
Brasília: Candangos e a tentativa de micaretar e roubar Goiás
Os candangos bombados acham que Caldas Novas é o quintal de Brasília e uma das quatro ou cinco cidades, como Anápolis, Pirenópolis(conhecida como cidade da fumacêra), Luziânia e também a Chapada dos Veadeiros, que o povo de Brasília vai pra pegar mulher, depois que as mulheres de Brasília entraram em extinção porque o Renan Calheiros pagou muito alto para comer uma jornalista, que todo mundo sabe é uma categoria de mulher que dá de graça e com direito a suíte na matéria.
Como em Goiânia as mulheres só querem CANDANGO BOMBADO, muito candango passa o carnaval em Goiânia, eles vão também para Caldas Novas pular Micareta, acabou que muito colarinho branco da capital federal separa sempre uma verba da mamata de Brasília para dar uma de ninja em Goiânia, aí a Candangolândia voltam pra terra natal e vão pegar as brasilienses calanguinhas feiosas, nojentas, marrentas e mil merdas mais, que com o tempo costumam ficar pra titias, e depois nem candango quer mais, razao por bsb ser a capital das solteiras. As mulheres de Brasília são um ' resultado ' de misturas raciais mal sucedidas. Muitas são filhas de Ricardão. Filhas de pais separados e por isso mesmo não têm referencial de família, há apenas um sonho ... não é casamento, amigos verdadeiros, amar seus irmãos ou os próprios pais. O único sonho que as candangas tem é de ' PASSAR EM ALGUM CONCURSO' mas como não gostam de estudar, fica a outra alternativa: ARRANJAR UMA BARRIGA DE UM CARA COM GRANA' Brasília é a cidade com as mulheres mais feias e individualistas da América Latina!
Noites Goianas
As noites goianas sempre começam e terminam em um posto de gasolina. Antes de qualquer festa na cidade todo mundo vai para o posto (quando não usam a famosa frase: 'Não tem mar vamo pro bar'). Na maioria dos postos a goianada abre o carro fica ouvindo funk ou sertanojo na maior altura.

Preparação Festa Abelvolks

Preparação Festa Abelvolks

Depois de tomarem algumas vão para inúmeras festas Abelvolks e Abelbeetle ou cowboy do asfalto que tem na cidade. Nas festas de som automotivo os goianienses mais feios e ignorantes, que tem os carros mais cheios de som, são rei, ficam rodeado de maria-amassa-teto que só querem ficar pulando em cima do carro.
As festas de Sertanojo é o local onde reúne o maior número de loiras oxigenadas da cidade, lá também estão os filhos de fazendeiros onde todos usam a calça torando o rego. A última moda em 'atraso' a chegar em Goiânia é ir pra trance, milhares de moleques chupando pirulito com a mãozinha pra cima e fazendo careta, e claro como é tradição goiana antes de ir pra trance se encontram nos postos de gasolina. Ao final de todas as festas os goianienses passam mais uma vez no posto pra tomarem a última e só assim conseguem terminar o caminho de volta pra casa.
Lembrando que nas baladas ou shows que tem em Goiânia, sempre algum goiano marombadinho vai arrumar uma treta com algum brasiliense marombadinho também, lembrando que goiano e brasiliense são hostis um com o outro em baladas, pela necessidade de provar a masculinidade e até também pelo mal costume que o brasiliense tem de querer cobiçar a mulher do próximo.
A noite goiana pra quem não gosta de posto de gasolina pode ser no bar de motoqueiros, o Vai Tomar no Kuka, onde rola heavy metal e que fica aberto até 6 da manhã. Cuidado pra não ficar bêbado demais e não mexe com as meninas erradas ou você leva uma surra de uns 15 motoqueiros de coturno.
Ou o Woodstock que também é Metal e fica aberto até as 6 da manhã. Não encoste nos metaleiros que jogam sinuca ou você pode levar umas tacadas na cabeça.
Também tem o HORDA que é anos 80 , gótico e Industrial e fecha às 8 da manhã onde pode-se ver as góticas beijando na boca. É proibido fumar maconha no local (ou não).
Tem também festivais de rock da Monstro e Fósforo (selos de rock da cidade), geralmente no Martim Cerere, local infestado de morcegos e que era uma caixa d'água antigamente, em épocas durante o ano ocorre uma infestação de caramujos que deixa o lugar uma gosma tremenda. Geralmente são festivais que tocam uma dúzia e meia de bandas que são uma porcaria, geralmente bandas que querem ser iguais aos Los Hermanos, Strokes ou Radiohead, o público é dominado de indies caipiras que querem ser descolados em meio rural, emuxos bizarros do parque Vaca-Brava, e rockeiros doidos-sem-noção, aqueles mesmo que ficam o dia inteiro em praça bebendo catuaba, ou um pingorante bem vagabundo, com uma camiseta do The Doors, Legião Urbana, ou qualquer banda escrota de new metal, e berrando, ou fazendo algum tipo de número de jackass para se mostrar o doido da turma.

Trânsito

'Goianada' em Brasília é um termo semelhante a 'cariocada' em São Paulo, 'paulistada' no Rio de Janeiro ou 'pernambucada' no Ceará, que é dito quando uma pessoa faz besteira no trânsito ou em outra situação na qual deseja-se insultar alguém. Outro Ex: errar uma vez é humano, errar duas vezes é baiano, e errar três ou mais vezes é goiano. Ou: Carro de baiano, Carro de goiano. Nenhum presta! O trânsito de Goiânia é um insulto às regras que deveriam ser claras: lugar de caminhão de peão de boiada é na área rural, e não desfilando pelos bulevares repletos de agroboys, agrogays e agrogirls, no baixo Marista, lugar onde os padres foram expulsos para ser criada uma zona de pegação formada pelo Piquiras, House Garden e Esquina Jatobá.
Nas milhares de auto-escolas espalhadas pela cidade ensina-se o peculiar modo de dirigir goianiense. Em Goiânia, as faixas brancas pintadas no asfalto servem para serem miradas bem no meio do carro, fazendo com que cada goianiense ocupe duas pistas ao mesmo tempo. Em dias de chuva há ainda a tradição de sair para passear de carro na rua - já que só chove durante seis meses por ano -, o que causa o que eles costumam chamar de 'engarrafamento', mas que qualquer paulista chamaria de 'trânsito livre'.
Interessante o fato do goiano não se intimidar em rotatórias vindo de qualquer direção, provocando acidentes e constantes 'engarrafamentos' de 20 minutos, por causa do porra louca do viado que não consegue olhar antes de entrar.
Outro fato que é estudado pelos psicólogos, é a alta taxa de pilotos de motocicletas de baixa cilindrada que se jogam contra os para-choques dos ônibus e carros, promovendo uma espécie de genocídio coletivo cultural antropológico, que têm criado uma legião de viúvas novinhas e mais mulher procurando mulher na cidade.
1987-Césio 137 Goiano caga brilhando até no escuro

Em 1987, catadores de lixo estavam fuçando os escombros de um hospital particular que pertencia ao irmão do prefeito e encontraram um a caixa de chumbo com pó azul brilhoso, mas como eram macacos conseguiram abrir. Daí pensaram: 'Sô, isso deve ser maquilagem de gente rica!', e salpicaram o pó pelo corpo, até colar. Mal sabiam eles que o 'pó azul brilhoso' era Césio 137, usado para exames de prevenção contra o Câncer (20 jun - 21 jul). Uns 7 morreram, uma caralhada ficou contaminada, muito peão de touro fugiu e Goiânia passou a ter a fama de 'Cidade radioativa que tem o Shopping Flamboyant, o Clube Jaó, mulher bonita(mulher facil, pra exportaçao e importação) e um zoológico muito melhor que o de Brasília'.
Além dessas verdades, também foi criado o primeiro município do mundo 'por motivos nucleares', que foi o que aconteceu quando decidiram levar toneladas de lixo radioativo para um pequeno pedaço de terra que ficava entre Trindade e o Pai Eterno, agora conhecida como cidade de Abadia de Goiás, onde os efeitos da radiação têm sido estudados pela Comissão Nacional de Cagadas Nucleares, o CNGN, que concluíram já que vão levar uns mil anos para que toda essa merda pare de influenciar o ponteiro dos contadores geigers que por ventura algum corajoso queira ficar parado medindo a radiação ionizante.
População
Os goianienses ou goianinhos são caipiras e se vestem como cowboys. Gostam mesmo é de tocar sertaNOJO nos seus carros zélas achando que fazem algum sucesso. Conhecidos por terem pouca atitude com as mulheres, o que é comprovado pelas próprias goianienses quando estas estão de passagem em algum carnaval de Caldas Novas e acabam dando para os candango brasilienses play-boys. Ainda assim, os goianienses que pensam que têm atitude gostam de seduzir as mulheres falando coisas do tipo 'Êêê Nelore bão!', e quando querem chamar uma mulher pra dançar fala assim já pegando no braço 'vamo dançá potranca?' 'Ê trem que pula!', e 'Pode vim que eu tô facim!', sempre com uma latinha de Skol na mão, sem camisa e uma pança característica.
Tanto os homens quanto as mulheres gostam de falar alto, pra todo mundo ouvir. É fácil reconhecer um goiano pela risada alta, pelas besteiras ditas e, no caso das mulheres, pela insuportável voz nasalada! As mulheres estão sempre maquiadas, muito maquiadas, mas muito mesmo, se 70% da beleza das mulheres sai com água, nas goianienses são 99%, quando não oxigenam o cabelo (o que costuma afetar o cérebro também) daí a fama de serem bonitas, mas há crenças que afirmam que uma goiana nunca foi realmente vista, que o que vemos é apenas uma imagem produzida por elas mesmas. Tanto é assim que uma das empresas que mais crescem no estado é a Leinertex, uma fabrica de tinta de baixa qualidade!
Outra característica bastante peculiar dos goianos é não utilizar (nem na fala, nem na escrita)o pronome reflexivo 'se'. 'Se' foice a penas ece o pobrema, nóis táva é felis! E agora, muitos emos, emos e mais emos, aqueles bem gayanos mesmo, com a ultima moda de querer imitar cadango, agora além do sertaNOJO, típico da terrinha, dizem gostar de rap e rock da pesada(simple plan, my chemical romance etc). Usufruindo também de outras exportações(modalidades, escrotisses) candangas, os goianos jecas tatus estão formando grupinhuxxx de caipiraxxx pichadorexxx e drogadinhuxxx, reivindicando serem assim a 51º(ou 51, no jargão goiano) região cachaceira adminitrativa do DF.
Hospitalidade

A hospitalidade dos goianienses é muito famosa. Mentira. Na verdade a dos mineiros é mais porque eles estão no sudeste e como o sudeste é mais importante Minas acaba ficando mais famosa. Um dos símbolos da hospitalidade goianiense, além das moças que ficam nas esquinas da Avenida Paranaíba, é uns rapazes que andam em Blazers fornecendo informação e transporte gratuíto. Eles fazem parte da ROTAM.
Cidades Irmãs

Cidades Mais esculachadas Criticadas Construtivamente em Goiânia

  1. Aparecida de Goiânia
  2. Brasília
  3. Berlândia
  4. Beraba
  5. Sãumpaulu
  6. RídiJaneru
  7. Curitiba
  8. Porto Alegre
  9. Santos
  10. Palmas
  11. Belém
  12. Manaus
  13. Cuiabá
  14. Campo Grande
  15. Ribeirão Preto
  16. Catalão

Bendito português

No médico
O médico para o paciente:
- Não consigo encontrar o motivo das suas dores, meu caro. Só
pode ser por causa da bebida.
- Não tem importância, doutor! Eu volto outro dia que o senhor
estiver sóbrio!

 

 

Graças ao bom e velho português podemos ter piadas iguais estas.

 

Piada pega do blog Quatro minutinhos da Fernanda.

segunda-feira, janeiro 12, 2009

Mais uma da serie desenhos da infância

Com dica do meu amigo Diego (que breve vai ter um blog), segue mais um video de desenhos animados.

 

sábado, janeiro 10, 2009

NanoBlogs: A Blogosfera é nossa!!!

Agora estou entrando para os Nanoblogs.

 

quem quiser saber mais sobre esta magnifica ideia entre clique Aqui.

 

Vamos lá… rumo a 1000 visitas dia.